light gazing, ışığa bakmak

Friday, June 23, 2017

a minha casa de pássaros

não é minha, como eles não são. não tenho nada, mas cruzamos-nos nas linhas imaginárias: este pássaro escolheu a grade da minha entrada para seu refúgio noturno. de manhã voamos os dois para o alto.

2 comments:

Rui Batista said...

Muoto bom ,também vivem aqui pássaros, não o daberia dizer assim

Ana V. said...

Obrigada Rui. Beijinho

 
Share